Painel reunirá especialistas no mercado internacional para debater o empreendedorismo em diferentes culturas

/ fevereiro 5, 2020/ Sem categoria/ 0 comments

Debater a importância do empreendedorismo diante das questões impostas pelo Século XXI, em um mundo cada vez mais volátil, incerto, complexo e ambíguo, considerando ainda a escassez e o impacto dos recursos humanos e naturais para sobrevivência do planeta. Esse será o foco do painel “Empreendedorismo no contexto global” da 13ª edição do Congresso Brasileiro da Educação Superior Particular (CBESP).

A atividade será coordenada por Rui Otávio Bernardes de Andrade, vice-presidente executivo do Sindicato das Entidades Mantenedoras dos Estabelecimentos de Ensino Superior no Estado do Rio de Janeiro (Semerj), uma das entidades que compõe o Fórum das Entidades Representativas do Ensino Superior Particular. 

Os expositores serão Evandro Menezes, especialista em Direito chinês e Comércio exterior e professor da FGV; Yaron Edel, consultor em educação e inovação e ex-diretor da área de educação do Israel Innovation Institute, e Luis Garcia, vice-presidente de “Emerging Technologies” da Full Sail University, localizada na Flórida (EUA).         

Reunindo educadores e especialistas do Brasil e do exterior, o XIII CBESP será realizado nos dias 28, 29 e 30 de maio de 2020, no Costão do Santinho, em Florianópolis/SC.

Jornada da transformação
Segundo Rui Otávio, o mundo passa por uma intensa jornada de transformação e os grandes agentes de mudança serão os líderes mais preparados, com uma visão sistêmica e atualizados quanto às exigências mutáveis dos novos cenários. “É importantíssimo que educadores, pesquisadores, docentes e discentes das instituições de educação superior (IES) estudem e desenvolvam este tema. Inovação e disrupção devem estar presentes nos estudos das IES, o aluno precisa ser estimulado a encontrar seu propósito de vida, a identificar oportunidades do mercado, a testar e errar ou acertar e iniciar sua jornada empreendedora com o apoio dos professores que lhes transmitem conhecimento”.

Utilizando como base a visão do economista Joseph Schumpeter, Rui Otávio explica que, além de gerar riqueza, é o empreendedor quem estabelece uma nova dinâmica de mundo com a sua inquietude, buscando sempre soluções mais eficientes e baratas. “Como diz Schumpeter, ‘o empreendedor é o agente do processo de destruição criativa. É o impulso fundamental que aciona e mantêm em marcha o motor capitalista, constantemente criando novos produtos, novos mercados e, implacavelmente, sobrepondo-se aos antigos métodos menos eficientes e mais caros’”.

Especialistas internacionais
Para Rui Otávio, a participação de especialistas que atuam diretamente  no mercado internacional enriquecerá o debate.Discutir lições aprendidas por diferentes culturas ajuda a queimar etapas, além de proporcionar insights para o aperfeiçoamento do processo ensino X aprendizagem das empresas, das instituições, dos governos e da própria dinâmica de mercado. Teremos a oportunidade de ouvir palestrantes internacionais, relatos de experiências educacionais de empreendedorismo na China, em Israel e nos Estados Unidos”.

Neste sentido, o coordenador do debate recomenda que os congressistas leiam o Relatório Executivo 2018 do Global Entrepreneurship Monitor (GEM), pois, além de ser o instrumento que monitora o empreendedorismo no Brasil desde 2000 e possuir uma série histórica relevante, acompanha o desempenho de outros 49 países. 

Inscrições
As inscrições para o XIII CBESP estão abertas. Além dos benefícios para inscrições individuais e condições especiais para participação de grupos, as instituições associadas a entidades que compõem o Fórum das Entidades Representativas do Ensino Superior Particular também possuem direito a valores diferenciados, basta entrar em contato com a entidade e solicitar o código.

Clique aqui para realizar sua inscrição.
Clique aqui para conferir a programação preliminar.

Share this Post

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.